SEO

Como saber o posicionamento do meu site nos buscadores

Para quem depende dos buscadores como fonte de tráfego, é importante acompanhar e até mesmo saber em que posição o seu site se encontra ranqueado para uma determinada busca. Para quem não quer ir na mão, navegando página por página do Google até encontrar o seu site, eu separei três ferramentas que irão lhe auxiliar neste processo.

Mas, antes de continuarmos, é importante salientar que dependendo da região, dos cookies e até mesmo se seu usuário está logado ou não nos buscadores, isso irá influenciar os resultados quando você pesquisa manualmente nos buscadores. Ao utilizarmos essas ferramentas, elas nos ajudam a minimizar essa personalização de resultados.

Uma dica para quem usa o Google Chrome (navegador) e quiser fazer uma busca sem personalização, use o modo anônimo de navegação, as teclas de atalho são: Ctrl+Shift+N.

Navegação Modo Anônimo

Para quem deseja otimizar o tempo para saber a posição do seu site, eu separei 3 ferramentas, sendo apenas uma delas paga.

Ferramenta 1 – Rank Tracker – Link Assistant

Link para download

Essa é uma ferramenta paga para monitorar os resultados no Google e dezenas de outros buscadores. Essa inclusive é uma ferramenta que utilizamos aqui em nosso dia-a-dia. A vantagem de se ter a versão paga é que é possível salvar os relatórios e poder enxergar uma evolução a longo prazo.

Rank Tracker

O processo para cadastrar o seu site é bem simples, basta clicar em File > New Project

Adicionar novo site Rank Tracker

Basta adicionar o domínio da sua empresa e escolher quais buscadores você quer que a ferramenta verifique:

Escolhendo os buscadores no Rank Tracker

No próximo passo é só adicionar as palavras-chaves e verificar o resultado.

Ferramenta 2 – Free Monitor for Google

 Link para download

Essa ferramenta é gratuita e permite salvar os resultados para manter um histórico. A grande desvantagem é a falta de alguns recursos e também ela não é tão ágil quanto o Rank Tracker, mas dentro as de uso gratuito, vale a pena.

Ao abrir a ferramenta o primeiro passo é configurar o buscador e também limitar o número de resultados que ela traz do Google. Essa ferramenta é bem agressiva no modo de pesquisa de resultados, por isso, deixe no máximo 50 para evitar que o Google bloqueie suas consultas por um determinado período.

Free Monitor for Google

Depois que você ajustar as configurações, clique no sinal de mais verde e adicione o seu site:

Adicionar palavras chaves no Free Monitor for Google

Na sequência é só você adicionar as palavras-chaves que você precisa monitorar e clicar na lupa para busca. É bem simples todo o processo.

Ferramenta 3 – Google Webmasters Tools

O Google Webmasters Tools não é necessariamente uma ferramenta para verificar o posicionamento do seu site no Google em tempo real. Porém, através dela é possível saber o posicionamento médio dos termos que o seu site aparece nas pesquisas. Essa, na verdade, é a informação mais importante que você pode extrair, pois, como na maioria das buscas os usuários estão logados, fica difícil tomar como verdade absoluta as informações das ferramentas citadas acimas, elas devem ser usadas apenas como uma tendência.

A relação de termos você encontra em Tráfego de Pesquisa > Consultas de Pesquisa:

Posicionamento do site no Google

Use essa área principalmente para melhorar as páginas que já aparecem bem posicionadas, assim você pode incrementar o conteúdo conforme sua empresa vai aparecendo em novas pesquisas. Esse é um processo que costumamos utilizar em nos projetos de SEO aqui.

Se você ficou com alguma dúvida ou conhece alguma ferramenta, deixe nos comentários abaixo.

Eduardo Storini
Desde 2009 atuando no mercado de marketing digital brasileiro. Trabalha ativamente no desenvolvimento de novas estratégias para aumento de vendas e captação de leads para os clientes da Agência St.

6 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *